Ideias de Meninas

Tudo Sobre moda, dicas e ideias para meninas.

This content shows Simple View

Finanças

É possível iniciar uma carreira profissional depois dos 30 anos?

É possível iniciar uma carreira profissional depois dos 30 anos? Essa é uma das questões que mais preocupam quem deseja usar a educação para mudar de vida, pois o fator tempo mais idade, acaba colocando um peso maior na hora de tomar uma decisão.

No entanto, seguir uma carreira profissional depois dos 30 pode ser mais simples do que você pensa, desde que esteja disposto a seguir os passos necessários.

Carreira profissional depois dos 30

Muitas pessoas, ao concluir seus estudos secundários, entram imediatamente no mercado de trabalho, devido à falta de recursos na maioria dos casos.

Atualmente, muitas delas têm vasta experiência em um campo específico, no qual poderiam se promover ao estudar uma carreira que lhes permite aspirar as melhores posições e salários, ou, até se tornar um empreendedor com sua própria ideia de negócio.

Acredite, a idade não é um problema para seguir uma carreira profissional, nem as responsabilidades e horários de uma pessoa com carga familiar, uma vez que existem diferentes modalidades de estudos à distância que facilitam sua especialização ou graduação em nível técnico ou superior.

Inclusive, os cursos técnicos são uma ótima opção para se formar em pouco tempo e conquistar cargos com melhores salários.

Aqui, mencionaremos alguns dos aspectos que tornam a carreira técnica uma das opções mais recomendadas para quem deseja iniciar uma profissão após os 30 anos de idade. Confira:

Quais os benefícios dos cursos técnicos para quem deseja iniciar uma carreira depois dos 30?

Obtenha um emprego e salário melhores em pouco tempo:

Como as carreiras técnicas levam em média entre 1 a 3 anos de estudo, o candidato pode concluir uma formação profissional em pouco tempo, relacionada ao seu campo de atuação na empresa, a fim de conquistar uma promoção com melhor salário, além de se destacar no mercado.

O fator tempo

Muitas carreiras técnicas oferecem opções de estudo à distância, complementando aulas presenciais com aulas combinadas, nas quais você pode estudar em casa, usando um computador ou celular com acesso à internet.

A modalidade mista ou à distância é a melhor opção para quem tem horários de trabalho rotativos e também precisa cumprir responsabilidades em casa.

Concursos públicos

A fazer um curso técnico, você também poderá se inscrever para participar de concursos públicos, os quais oferecem ótimos salários, estabilidade e diversos benefícios. Muitos concursos, exigem apenas o ensino médio completo e nível técnico de formação.

Para passar em um concurso, você pode se preparar com materiais gratuitos de site de rateio de concursos.

Carreiras com alta demanda de mão-de-obra

Se você possui experiência profissional em um campo específico, no entanto, não tem interesse em seguir uma carreira universitária nesse campo, pode escolher diferentes especializações técnicas com alta demanda de emprego.

Há diversas opções de cursos técnicos relacionados à construção, edificação, administração, área da saúde, entre outros.

Oportunidade de empreendedorismo

Outro cenário para uma pessoa, entre 30 e 50 anos, é que ela não deseja continuar trabalhando de maneira dependente. Muitos têm uma boa ideia de negócio, mas não o conhecimento profissional necessário para iniciá-lo.

Como exemplo, você tem habilidades para tirar fotos e deseja se tornar um fotógrafo profissional com seu próprio estúdio, a fim de realizar ensaio gestante, álbuns de casamento, fotos em eventos de esportes, entre outros, mas não sabe como administrar e gerenciar para iniciar gastando pouco, além de otimizar processos.

Nesse caso, um curso de gestão, empreendedorismo ou administração, pode ajudá-lo.

Além disso, há casos de pequenos empreendedores que desejam se especializar em uma carreira profissional que lhes permita dar uma volta de 360 ​​graus à sua empresa.

Para eles, as carreiras técnicas são uma opção viável, devido ao pouco tempo de estudo e à possibilidade de continuar com mais especializações úteis para seus negócios.

As carreiras técnicas relacionadas à Administração têm grande potencial para criar novos empreendedores; por outro lado, existem opções voltadas, principalmente, para as pessoas com uma ideia de negócio que desejam desenvolver, como a carreira técnica em Gestão Comercial e Vendas.

Considerando essas vantagens, futuros profissionais com mais de 30 anos podem começar a realizar um plano de estudos, de acordo com suas necessidades, sem o risco de perder tempo ou dinheiro, uma vez que uma carreira profissional sempre será um investimento no futuro.



Investir em Carteira Administrada é seguro?

Também chamada de portfólio ou de cesta de investimentos, a carteira administrada é um serviço feito por especialistas em investimentos. De forma obrigatória, todas as pessoas que trabalham com isso possuem um registro na Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Além disso, muitas deles prestam serviço para empresas especializadas em investimento.

A questão é bem simples: um investidor contrata uma pessoa para cuidar do seu portfólio de investimentos. Ou seja, ele vai transferir os cuidados de sua carteira administrada para um profissional da área.

Após ser contratado, o gestor da carteira administrada será responsável pelas vendas e compras dos ativos de seu cliente. Em resumo, deixar alguém cuidar de seu portfólio de investimentos é permitir que outra pessoa gerencie o seu dinheiro.

Sobre o título deste texto, a resposta é “sim”, contratar uma carteira administrada é seguro. No decorrer deste artigo, você entenderá as razões.

Conflito de interesses

Um conflito de interesses é gerado quando um profissional fica na dúvida entre fazer a melhor proposta para o seu cliente ou tirar vantagem dele para aumentar seus lucros. Por exemplo, vender um produto de qualidade duvidosa pelo preço de um top de linha só para ganhar mais em cima da venda.

Uma das razões da carteira administrada transmitir segurança é não haver esse tipo de problema. Como o administrador cobra uma taxa em cima do valor total da carteira, não há interesse nos valores de suas vendas.

Ou seja, mesmo que o investidor lucre muito com vendas e compras, o gestor da carteira não terá nenhum tipo de ganho com isso. Dessa forma, o profissional tem obrigação de lutar pelo crescimento da carteira, caso queira lucrar alguma coisa.

Racionalidade

Quando um profissional cuida dos investimentos de uma pessoa, não haverá o risco dela fazer um investimento por impulso. Dessa forma, o investidor poderá manter o foco em seu objetivo inicial, pois o administrador não o deixará investir em nada por emoção.

Quando se fala de investimentos, é importante usar a racionalidade, pois ela evita que o investidor seja enganado pela primeira solução mágica que aparecer.

Economia de tempo

Como já foi dito antes, na carteira administrada é o gestor que executa as operações. Por conta dessa autonomia, o profissional pode tomar várias decisões sem pedir a permissão do cliente. Obviamente, ele precisa se adequar ao acordo que foi feito com investidor quando o contrato foi assinado.

Esse modus operandi da carteira administrada poupa o tempo do investidor. Com outra pessoa no comando do portfólio, a única preocupação do cliente é o lucro final. Dessa forma, ele não é obrigado a se preocupar com os números frenéticos do mercado financeiro.

Liquidez de investimento

Essa informação é importante para quem pretende contratar uma carteira administrada. A expressão “liquidez de investimentos” faz referência ao prazo de aplicação e ao resgate do valor do investimento. Tanto um quanto o outro dependem dos ativos que estão ligados ao portfólio.

Alguns investimentos do portfólio podem ser resgatados no mesmo momento em que foram solicitados (liquidez diária). Por outro lado, existem investimentos que demoram entre dois e trinta dias para cair na conta do investidor. Por fim, ainda existem investimentos que só serão resgatados no dia do vencimento da aplicação.



Conheça os principais códigos dos bancos brasileiros

Se muitos clientes, sejam antigos ou novos, acabam tendo que consultar uma lista para saber o código banco do seu próprio banco, imagine para saber o de outro. Esse código se torna necessário quando é preciso fazer uma transferência bancária, seja por DOC ou TED. 

O que é código banco?

O código banco nada mais é do que um número que serve para identificar as instituições financeiras existentes. Cada banco que atua em território nacional tem seu próprio número, que é chamado de “código de compensação”. Para uma comparação mais completa, é só imaginar esse código como sendo o número de RG da instituição.  

É necessário informar o código banco?

Para concluir transferências bancárias entre diferentes instituições, é necessário que seja informado o código do banco para qual o dinheiro será enviado. Seja por DOC ou TED, junto com o código do banco, será solicitado outras informações para concluir a transação, como a agência e conta de destino, CNPJ ou CPF e nome do titular da conta destinatária.

Exemplo: Maria tem conta no Banco Itaú e precisa realizar uma transferência para a conta de Roberto, que é Bradesco. Dessa forma, na hora de informar o código do banco, ela irá colocar o código do banco de destino (Bradesco).

É muito importante consultar o código correto para a transação, pois caso você deixe para pagar uma conta de última hora e errar o número do código banco, o valor será devolvido para sua conta e o pagamento não será feito, o que poderá gerar juros e multas.

Lista dos principais código banco brasileiros

No Brasil existem muitas instituições financeiras, mas algumas se destacam pelo atendimento, popularidade e serviços. Separamos uma lista com os principais bancos brasileiros, confira: 

  • 237 – Banco Bradesco S.A
  • 745 – Banco Citibank S.A.
  • 001 – Banco do Brasil S.A.
  • 341 – Banco Itaú S.A.
  • 389 – Banco Mercantil do Brasil S.A.
  • 356 – Banco Real S.A. (antigo)
  • 633 – Banco Rendimento S.A.
  • 453 – Banco Rural S.A.
  • 422 – Banco Safra S.A.
  • 033 – Banco Santander (Brasil) S.A.
  • 104 – Caixa Econômica Federal
  • 399 – HSBC Bank Brasil S.A. – Banco Múltiplo
  • 652 – Itaú Unibanco Holding S.A.

Muitas pessoas acabam por criar confusão entre os números da agência e conta da pessoa, com o número da identificação da instituição bancária. Lembre-se que cada pessoa tem sua própria agência e conta, enquanto o código banco é único e sempre o mesmo para cada banco. 



O que é a taxa de câmbio e como ela pode te ajudar

Inegavelmente, você já deve ter ouvido muito falarem sobre uma tal de taxa de câmbio, não é? No entanto, nunca entendeu, de fato, sobre o que se trata. Sabia que ela pode influenciar na sua conta bancária? Especialmente se você costuma viajar para o exterior.

 A taxa de câmbio é utilizada para o câmbio de moedas. Ou seja, na troca de uma moeda por outra. Um grande exemplo é o real pelo dólar. Quem viaja precisa fazer esse tipo de transação.

Que tal saber mais sobre a taxa de câmbio? Veja, vai ser muito interessante!

O que é a taxa de câmbio?

Primeiramente, é necessário que você entenda o que é a taxa de câmbio. Afinal, só assim você poderá conhecer mais sobre esse assunto.

Sobretudo, a taxa de câmbio é uma espécie de relação entre moedas e transações comerciais. Ao adquirir o dólar, você não está apenas trocando uma moeda pela outra, mas sim pagando por uma relação.

Essa taxa é dividida em 3 tipos, que são: fixa, atrelada e flutuante. De maneira simplificada, é possível dizer que a taxa fixa é estabelecida pela autoridade monetária do país.

A atrelada também é influenciada pela autoridade monetária, no entanto seu único papel é a permissão da variação de taxas dentro do limite de banda cambial. Já a flutuante é estabelecida apenas pelo mercado, sem interferência do governo.

Como a taxa de câmbio pode ajudar você?

Sem dúvida, a taxa de câmbio é muito influente em muitos os aspectos. Ela é responsável pelo valor da inflação, bem como os outros valores da economia nacional.

Assim sendo, a taxa de câmbio também afeta quem não viaja para fora do país. Afinal, ela interfere nos preços de produtos nacionais.

Viu como a taxa de câmbio é importante na sua vida? Fique de olho em sua variação!



Empréstimo para Mei: Conheça o empréstimo para MEI

O mercado de trabalho tem se atualizado nos últimos tempos e como consequência, muitas pessoas tem se tornado Microempreendores. No entanto, muitos deles têm dúvidas sobre muitas questões voltadas à formalização e principalmente a empréstimo para MEI.

Embora trabalhar de carteira assinada possa trazer muitos benefícios como facilidade em empréstimos, ser MEI também tem as suas vantagens. Um desses benefícios é ter condições especiais em algumas ações, por ter um CNPJ e ter descontos com seus fornecedores.

No entanto, alguns empreendedores se questionam quanto ao empréstimo para MEI. Como realizar? Qual o momento certo? Neste artigo, daremos algumas dicas que você pode realizar um empréstimo para MEI.

Como solicitar um empréstimo para MEI?

Instituições bancárias como Caixa, BB e BNDES disponibilizam empréstimo para MEI, ou empreendedores individuais. Muitos bancos oferecem essa facilidade de crédito para empreendedores, e em alguns locais, há empréstimos para quem quer investir em equipamentos novos ou até mesmo pagar dívidas.

Outrossim, através da internet você pode solicitar um empréstimo para MEI através de plataformas que trabalham com esse tipo de negócio. Basta entrar na página da empresa, preencher alguns dados pessoais e valor que precisa e aguardar a aprovação, dentro de algum tempo. Essa é uma forma simples e segura de fazer um empréstimo.

Quem pode solicitar?

Qualquer pessoa que possua um cadastro de CNPJ pode conseguir um empréstimo. No entanto, se você ainda não formalizou o seu negócio, basta entrar no Portal do Empreendedor e realizar essa ação agora mesmo.

Quais os benefícios?

As vantagens podem ser muitas. Através do seu pedido online, você poderá obter o empréstimo de forma segura e rápida. Os juros podem ser menores, por você ser MEI e as facilidades de pagamento podem ser muitas, como o aumento na quantidade de parcelas.



Consultar CPF: Como fazer consulta de CPF negativado online

Consultar CPF é muito importante para acompanhar como está a situação do seu nome na praça. É consultando o CPF que você pode descobrir, por exemplo, se está negativado (nome sujo) ou se o seu Score aumentou ou diminuiu. Dessa forma, você vai poder conhecer as condições e maneiras de regularizar a situação e aumentar o seu score.

Ao precisar realizar uma compra de alto valor, é comum o consumidor querer parcelar. No entanto, para facilitar o pagamento para você, o primeiro passo que a instituição irá fazer é consultar CPF na internet e avaliar qual o seu Score e se você possui restrições atreladas a ele.

Se a resposta for positiva, você pode não conseguir realizar o pagamento parcelado ou contar com altas taxas de juros.

Isso acontece porque ao atrelar o seu nome junto aos Órgãos de Proteção ao Crédito, como Serasa e SPC, por exemplo, é possível analisar todo seu histórico de inadimplências. E ao encontrar essas informações, as instituições conseguem avaliar o grau de risco que seria vender algo a prazo para você. Ou seja, eles avaliam que como você não arcou com o pagamento à outras instituições, pode não arcar com aquele pagamento também.

Consultar CPF: Como regularizar a situação?

Se você já está negativado, ao acessar os sites dos órgãos de proteção e consultar CPF, você conseguirá ver as instituições que adicionaram seu nome à lista e tentar contato para negociar.

Uma outra alternativa é solicitar um empréstimo para quitar todas as dívidas. No entanto, quando há restrição no CPF, alguns bancos e financeiras não aceitam conceder o empréstimo para você. E, quando aceitam, as taxas de juros são bem mais altas que a média praticada no mercado.

Após quitar todas as suas dívidas, as empresas têm até 5 dias para retirar seu nome da lista de inadimplentes. Por isso é tão importante consultar CPF com frequência.

Seja como for, a melhor forma é manter suas finanças sob controle. Assim, seu Score aumenta e quando precisar solicitar empréstimos e melhores condições para pagamento, você conseguirá as opções mais vantajosas para você.

Até a próxima.



Como controlar suas vendas na maquininha de cartão de crédito

Facilita muito a vida dos clientes a maquininha cartão de crédito. E isso também serve para o comerciante. É mais vantagens para todos. Mas será que tudo são flores? Não perca o controle!

Para ter um bom gerenciamento financeiro da sua empresa, controlar suas vendas na maquininha cartão de crédito é importante.

Assim, você evita surpresas desagradáveis. Afinal, mesmo descobrir que há mais dinheiro do que se pensava pode ser um problema. Isso porque você terá que responder fiscalmente sobre esses valores e não é bom não saber de onde saíram.

Conferências de maquininha cartão de crédito

Para manter seu controle em dia, é necessário se ater a um check list de três conferências. Elas são importantes para saber se todos os processos foram devidamente feitos. E que você terá todos os números necessários em mãos para fazer seus cálculos.

As conferências são:

Conferência de vendas: você sempre deve ficar atento ao processamento das vendas. Confira o valor bruto para saber se a operadora creditará em sua conta a quantia esperada.

Conferência de taxa de venda: há muitas tarifas colocadas em cima de cada operação sua. Vão desde tarifas de aluguel de máquina a taxas de serviço de operadora. Cada bandeira tem valores diferentes e vendas parceladas oferecem outras cobranças a mais.

Conferência de recebimento: tenha certeza de que o pagamento que você devia receber é efetuado.

Controlando suas vendas com a maquininha cartão de crédito – Passo a passo

Você já sabe o que deve conferir durante o seu controle da maquininha cartão de crédito. Agora saiba os instrumentos disponíveis para realizá-lo:

Comprovantes: guarde todos os comprovantes e os balanços diários das vendas da maquininha cartão de crédito.

TEF: Se a sua operadora oferece sistema de Transferência Eletrônica de Fundos, guarde o relatório de vendas. Ele ajuda a averiguar possíveis erros de lançamento de vendas.

Software de gestão ERP: esse tipo de sistema registra suas vendas, desconta as taxas e mostra seus valores líquidos e brutos das transações com a maquininha cartão de crédito.

Conciliador de cartões: em vez de relatórios individuais para tipos de cartões diferentes, você pode contar com softwares que mostram todas as taxas aplicadas. Por todas as bandeiras.

Fechamento de caixa de maquininha cartão de crédito

Essa é a operação mais importante, pois é a que finaliza o seu dia. É o fechamento de caixa de garante que você receba todos os valores e mantenha o controle das operações realizadas.



Abrir conta corrente Online: 2 Formas de abrir conta corrente online

Desde quando as instituições financeiras começaram a lançar os sites e apps para dispositivos móveis, muitas pessoas estão trocando as idas ao banco para realizações de operações financeiras pela internet. Uma maneira muito mais rápida e prática, o que acaba economizando tempo, pois o cliente não tem que ir até o seu banco para fazê-las.

Vendo isso, surgiram novas instituições financeiras com conta corrente totalmente digitais. Essas contas são muito praticas, e na maioria dos casos, muito mais baratas. As contas digitais permitem realizar todas as transações que uma conta corrente tradicional permite. Qualquer pessoa com um CPF e maior de 18 anos consegue abrir conta corrente online.

Abrir conta corrente online

Se você se interessou pelas contas digitais e gostaria de abrir conta corrente online. Separamos as duas formas que você consegue realizar esse processo, rápido e sem complicação. Confira a seguir:

Abrir conta corrente online: Forma 100% online

Se você quer abrir conta corrente online sem ter que ir até uma agência para concluir o processo, você precisa procurar um banco online. Hoje, existem várias opções desses bancos, que fogem dos nomes tradicionais que conhecemos.

O processo de abertura nesses bancos é bem simples. Você precisa fazer o download do aplicativo da instituição financeira e seguir o passo a passo, com o preenchimento das suas informações. Nesses bancos, para confirmar a sua autenticidade, você precisará enviar fotos dos seus documentos, e após isso, tirar uma selfie. Alguns bancos, por segurança, pedem que você grave um pequeno vídeo com o seu documento na mão.

Após isso, eles demoram cerca de 3 dias para te passar as informações da sua conta.

Abrir conta corrente online: Online + presencial

A maioria das instituições financeiras tradicionais, ao oferecer a opção de abrir conta corrente online, você consegue fazer todo o preenchimento de dados online. Porém, para concluir a abertura da conta, você precisa ir em uma agência bancária física.



Investimentos em ações: Conheça os fundos ideais

Hoje em dia qualquer um pode ser um investidor. A única condição para isso é ter dinheiro para aplicar. Mas, saiba que esse dinheiro não precisa ser um alto montante, muito pelo contrário.

Atualmente muitos bancos oferecem investimentos em ações para iniciar com valores baixíssimos, começando em trinta reais. Por isso, não existe mais desculpa para não aplicar o seu dinheiro e receber rendimentos.

É verdade que, para fazer investimentos em ações, é preciso estudar. É preciso saber quais são as melhores aplicações, quais valem mais a pena pelo dinheiro que você tem disponível e etc. Porém, para isso, existem hoje em dia muitos sites e vídeos na internet que explicam detalhadamente cada ponto para te ajudar a se tornar um investidor.

Tipos de investimentos

Existem inúmeros tipos de investimentos em ações hoje em dia. O que diferencia cada um desses tipos é o risco e a rentabilidade.

Tesouro Direto

O tesouro direto é considerado um dos investimentos em ações de menores riscos pois é vinculado ao governo. Esses títulos são emitidos pelo Tesouro Nacional e sua função é captar recursos destinados ao financiamento das atividades públicas.

A forma de recebimento do tesouro direto é de modalidade pré ou pós-fixada. O valor unitário de cada ação é uma estimativa do valor futuro, descontando a taxa de juros.

Poupança

A poupança é a forma mais tradicional e cômoda de investir. Cada banco possui uma conta poupança que já é disponível no momento que você abre a conta. Dessa forma, não é preciso esforços para iniciar esses investimentos em ações.

Basta transferir o seu dinheiro da conta corrente para a conta poupança. O risco desse investimento é muito baixo, quase zero. Porém, consequentemente o lucro também é bem inferior aos mais arriscados.

LCI

O LCI ou também conhecido como Letra de Crédito imobiliário, é um investimento de renda fixa. Ele pode ser feito também pelos bancos. Os recursos desse investimento são de atividades do setor imobiliário. E o investidor recebe uma taxa de rentabilidade anual.



Máquina de cartão de crédito: 5 melhores opções do mercado

Do microempreendedor às grandes empresas, fato é que as máquinas de cartão têm trazido grandes vantagens a todos. Seja pela facilidade oferecida ao cliente no momento da compra, como a segurança de não circular com dinheiro na mão, a máquina de cartão de crédito tem sido mais que uma necessidade.

Além desses benefícios, a máquina de cartão permite o parcelamento das compras, o que é um fator importante para o cliente. Se você é dono de um negócio, é importante que você pesquise, conheça os benefícios, as taxas e contrate a melhor empresa de máquina de cartão que atenda aos seus critérios.

A variedade é muita. Existem aquelas marcas de máquina de cartão que são mais conhecidas e aceitam mais cartões que outras e alguns sistemas instalados no celular, para aqueles que desejam economizar.

Conheça aqui 5 marcas de máquina de cartão para você escolher a que se encaixa no seu orçamento. Como consequência, potencializar o seu negócio e oferecer aos seus clientes outras opções de pagamento. Confira:

Quais as melhores opções de máquinas de cartão?

1.   Cielo

Essa é uma máquina de cartão das mais conhecidas e consolidadas que existem no mercado. Ela funciona através de uma mensalidade que é paga pelo empreendedor todo mês. O valor da compra é recebido diretamente na conta corrente e aceita mais de 20 bandeiras, como Visa, Elo, Mastercard e sodexo.

2.   Sumup

Essa marca de máquina de cartão tem origem alemã. A pessoa paga um valor para adquirir a máquina, e depois não é mais necessário pagar mensalidade. Um benefício encontrado é que essa máquina pode atingir aqueles empreendedores que não possuem conta bancária.

3.   Rede

Pertencente ao banco Itaú, a Rede é uma das três maiores do Brasil. Ela também opera por mensalidade e estabelecimentos, como profissionais autônomos podem adquirir a máquina de cartão.

4.   Getnet

Essa operadora faz parte do Grupo Santander e é também uma das maiores do país. Ela também exige que seja paga uma mensalidade e aqueles interessados podem buscar um banco Santander para requerer uma máquina de cartão.

5.   Moderninha

Essa máquina de cartão tem sido uma das mais faladas ultimamente. Ela tem um valor para compra, mas não exige mensalidade. Para adquiri-la, é só entrar no site e solicitar, seja você uma pessoa física ou jurídica.




top